Desporto

174 pessoas morrem em confrontos após jogo na Indonésia

manuelsumbo
Out 03, 2022

O incidente ocorreu no sábado à noite, Estádio Kanjuruhan, na cidade de Malang, em Java Oriental, após a derrota da equipa da casa, o Arema FC, frente ao Persebaya Surabaya, por 3-2.

Trata-se de uma das piores tragédias de sempre num estádio de futebol, depois dos 318 mortos em confrontos entre adeptos do Peru e da Argentina no Estádio Nacional de Lima, em 1964.

Foi a primeira derrota do Arema em casa no dérbi reigonal com o Persebaya em 23 anos, segundo o jornal indonésio Kompas.

Informações da imprensa indonésia dão conta de que o tumulto teria começado quando os adeptos invadiram o campo para protestar contra jogadores e funcionários do clube. Foi aí que agentes da polícia entraram em acção, e gás lacrimogêneo foi utilizado.

Pessoas que tentavam escapar do gás perderam o controle e acabaram pisoteando outras no local. Existem ainda relatos de que muitos sentiram falta de ar, e que pais se perderam de seus filhos por conta de uma situação de “pânico incontrolável”.

O tumulto, que começou dentro do estádio, seguiu do lado de fora. Dois carros de polícia foram destruídos, um deles queimado. Adeptos também atearam fogo em outras instalações do estádio.