Actualidade

Administrações de Luanda dispõem de orçamento para recolha de resíduos

armandomaquengo
Fev 11, 2022

A partir do próximo mês de Abril, as Administrações Municipais assumem os serviços de saneamento, incluindo a contratação e o pagamento das operadoras, sendo que as verbas já constam dos seus orçamentos.

O Governo Provincial de Luanda criou um grupo técnico, coordenado pelo Vice-Governador para o Sector Económico, Lino Quienda Sebastião, que trabalhou na elaboração das peças para o lançamento do concurso público de Concessão do Serviço de Limpeza Pública Urbana às operadoras de Recolha e Tratamento de Resíduos Sólidos a nível dos nove Municípios Luanda.

De Abril em diante serão os Municípios a assumir os pagamentos referentes aos custos com a limpeza, recolha e tratamento dos resíduos sólidos.

Para o êxito destas atribuições, as Administrações Municipais foram capacitadas para assumir os pagamentos com o valor inscrito no parcelar do orçamento destinado aos serviços de limpeza e saneamento, verba que era gerida pelo GPL.

Quanto aos modelos a serem adoptados, estes não diferem muito entre Municípios, podendo haver uma alteração de acordo com as especificações estruturantes de cada Município, mas no geral seguirão todos o mesmo modelo de gestão.

Os Municípios são unânimes na possibilidade das operadoras subcontratarem brigadas ou cooperativas que possam limpar as zonas de difícil acesso, recorrendo ao uso de motorizadas e carrinhos de mão.