Politica

Agentes eleitorais morrem em acidente de viação

manuelsumbo
Ago 17, 2022

Duas agentes eleitorais morreram, esta terça-feira, em consequência do capotamento de uma viatura que prestava serviço à Comissão Municipal Eleitoral do Cunhinga, província do Bié.

O sinistro, que causou também dois feridos, ocorreu no troço entre a sede municipal e a comuna do Belo Horizonte. As causas do acidente ainda estão por determinar.

No carro seguiam seis pessoas, tendo o motorista e um agente da polícia Nacional saído ilesos. Os feridos encontram-se a receber cuidados médicos no Hospital Dr. Walter Strangway, no Cuito.

O responsável do banco de urgência de cirurgia do hospital, Fernando Acácio, disse à imprensa que o estado clínico dos pacientes é estável, apesar de sofreram algumas contusões nas regiões cervical e lombal, sem qualquer fractura.

Por seu lado, a presidente da Comissão Municipal Eleitoral do Cunhinga, Maurícia Antónia, explicou que os agentes seguiam para a comuna do Belo Horizonte em busca do material eleitoral destinado às assembleias de voto instaladas naquela localidade.

Vale lembrar que,  no último domingo, um helicóptero da Força Aérea Nacional (FAN), com material da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), despenhou-se na comuna do Lóvua, município do Alto Zambeze, província do Moxico, sem causar vítimas mortais.

O aparelho e o material eleitoral que transportava ficaram totalmente destruídos. O equipamento destinava à comuna do Lóvua, a 79 quilómetros do Cazombo, capital do município do Alto Zambeze,