Saúde

Centro de toxicodependentes assiste mais de cinco mil pacientes

armandomaquengo
Dez 06, 2022

Mais de cinco mil pacientes, foram tratados e reabilitados no Centro de Reabilitação e Reinserção de Toxicodependentes, localizado na província do Bengo, nos últimos três anos.

Segundo a directora-geral do Instituto Nacional de Luta Anti-drogas (INALUD), Ana Graça, citado pela Angop, de Janeiro até a presente data a instituição acolheu 250 pacientes de ambos os sexos, entre adolescentes e adultos.

Em declarações à imprensa nesta segunda-feira, 05, na cidade do Soyo, província do Zaire, a responsável informou que o referido centro recebe uma média diária de 15 pacientes, que passam por uma triagem para se definir a modalidade do tratamento.

Do número atendido no presente ano, segundo a fonte, 75 pacientes ficaram internados, ao passo que os restantes recebem tratamento ambulatório, dada a capacidade limitada da infra-estrutura que conta apenas com 75 camas.

A directora-geral do INALUD explicou que um paciente toxicodependente leva, no mínimo, seis a oito meses para ser tratado e reabilitado, frisando que este período prolongado impossibilita receber maior número de utentes por ano.

Falou, ainda, do plano de formação de pacientes que recebem alta hospitalar do centro, através de um acordo rubricado entre o INALUD e o INEFOP para a formação profissional em artes e ofícios.

De acordo com a gestora, após a conclusão da formação, alguns recebem kits profissionais para a sua reinserção na sociedade, através do programa de fomento ao auto-emprego.

“Os pacientes são provenientes, na sua maioria, da província de Luanda, onde o Instituto está implantado, mas, também, de outras partes do país”, referiu.

O Centro de Reabilitação e Reinserção da província do Bengo funciona com 108 especialistas.