Politica

Chefes de Estado africanos discutem situação na RDC e em Cabo Delgado

armandomaquengo
Jul 12, 2023

A Cimeira Extraordinária da Troika do Órgão da SADC discutiu e analisou, terça-feira, em Rabat, capital de Marrocos, aspectos ligados à segurança prevalecente no Leste da República Democrática do Congo (RDC), bem como a situação reinante na província moçambicana de Cabo Delgado.

Participaram, virtualmente, os Presidentes da República Hakainde Hichilema (Zâmbia), que orientou os trabalhos, Hage Gottfried Geingob (Namíbia e presidente em Exercício do Órgão de Cooperação de Política, Defesa e Segurança da SADC), Mokgweetsi Eric Keabetswe (Botswana), e Filipe Nyusi (Moçambique).

 Em comunicado, divulgado terça-feira, segundo o JA, o Ministério das Relações Exteriores de Angola refere que a reunião, realizada no formato virtual, contou com os países-contribuintes com as Tropas para a Brigada de Força de Intervenção (FIB) e os Efectivos para a SAMIM (RDC e Moçambique).

As questões relacionadas com a Missão da SADC na República Democrática do Congo, apreciação orçamental, sobretudo, as contribuições dos Estados-membros para a SAMIM (Missão da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral em Moçambique), e o mandato da Missão da SADC em Moçambique mereceram, igualmente, a abordagem na Cimeira Extraordinária da Troika do Órgão da África Austral.

De acordo com o documento, estiveram igualmente presentes o Presidente do Zimbabwe, Emmerson Dambudzo Mnangagwa, da África do Sul, Cyril Ramaphosa, e do Malawi, Lazarus Chakwera. O embaixador Téte António, ministro das Relações Exteriores, esteve, na Cimeira, em representação do Presidente da República, João Lourenço.