Actualidade

Detidos russos que preparavam alegado ataque contra ministro da Defesa ucraniano

manuelsumbo
Ago 09, 2022

Os serviços secretos da Ucrânia anunciaram esta terça-feira a detenção de supostos espiões russos, por suspeita de prepararem um ataque contra o ministro da Defesa, Oleksij Resnikov, e o chefe da secreta militar, Kyrilo Budanov.

“Assassinos de unidades especiais russas que planeavam ataques foram presos”, disse o serviço secreto ucraniano SBU, na plataforma Telegram.

O SBU divulgou ainda um vídeo que disse ser da detenção de dois homens, vestidos à civil.

Os dois suspeitos foram detidos em Kovel, no noroeste da Ucrânia. Um deles tinha chegado ao país através da Bielorrússia, disse o serviço secreto ucraniano.

Os homens iriam receber uma recompensa total de 300 mil dólares (294 mil euros) caso conseguissem assassinar Resnikov e Budanov, avançou o SBU.