Lifestyle

Gémeos casam com gémeas, vivem todos juntos e já têm filhos que quase parecem gémeos

manuelsumbo
Ago 26, 2022

Esta é uma história digna de um “reality show” que uniu dois pares de gémeos que sonhavam paralelamente com o mesmo: casar com gémeos, caso contrário “não casariam.” Estes gémeos conheceram-se, apaixonaram-se e agora partilham quase tudo. 

Tanto as irmãs Deane como os irmãos Salyers contam como sempre foram inseparáveis e, como queriam que tal se mantivesse, só idealizavam uma vida: encontrar parceiros que “entendessem a relação especial dos gémeos”, como refere Brittany Deane, uma das protagonistas da história.

Numa batalha para conhecer os cônjuges perfeitos, foram, em 2017, ao sítio ideal: o festival de gémeos Twinsburg, em Ohio, nos Estados Unidos.

Jeremy e Josh Salyers contam ao jornal de The Washington Post que nunca tinham marcado presença no evento, mas queria o destino que, numa festa no hotel, conhecessem as gémeas Brittany e Briana.

“Quando começámos a falar, a ligação foi imediata”, lembra Josh.

“Eu senti-me atraído pela Briana e o Josh pela Britany”, acrescenta Jeremy. A atração revelava uma sintonia perfeita, uma vez que Jeremy é o mais velho dos dois por cinco minutos, assim como Briana.

Durante um ano, falaram regularmente, marcaram encontros e os romances desenrolaram-se similarmente.

Também o pedido de casamento seguiu a tendência. A escolha óbvia foi um parque estatal em Virgínia que tem no nome, surpreendentemente, “Gémeos”: o Twin Lakes State Park. Os dois homens ajoelharam-se ao mesmo tempo e apresentaram anéis idênticos. Do outro lado, estavam duas mulheres idênticas, que vestiam roupas iguais, a pedido dos respectivos namorados.

“A data que eles nos propuseram foi perfeita”, notou ainda Brittany. “Não se pode fazer melhor do que 02-02 para representar uma proposta dupla e um casamento duplo.”

Em forma de homenagem, resolveram casar, em simultâneo, no festival de Twinsburg, em 2018.

Depois desse momento, tornaram-se num fenómeno conhecido não só entre os que frequentam o festival anual, pela raridade de toda esta história, como também pelo país. Os casais já estiveram em revistas, jornais, deram entrevistas e as irmãs chegaram inclusive a participar num programa sobre laços extremos, transmitido no canal TLC.

Os casais partilham agora ainda mais do que vivências semelhantes: partilham a casa e um negócio de casamentos. Apesar de admitir que tal pode ser visto como estranho, ou fora do comum, abraçam alegremente o estilo de vida, defendendo que “é uma situação especialmente única”, que para eles é “muito natural”, como reforça Briana.

A vida de todos baseia-se numa partilha de responsabilidades entre o negócio, tarefas domésticas e os deveres parentais. Os casais tiveram filhos há pouco tempo, ainda que, ao contrário de tudo o resto, o nascimento não tenha sido no mesmo dia.

O filho de Brittany e Josh, Jett, nasceu no final de 2020 e o filho de Briana e Jeremy, Jax, nasceu em 2021. Apesar de serem primos, as semelhanças entre os dois são notórias, o que não é de estranhar, visto que descendem de genéticas iguais. São chamados de gémeos quaternários.