Politica

Governador de Malanje anuncia requalificação dos bairros Canâmbua e Catepa

armandomaquengo
Out 03, 2022

O governador de Malanje, Marcos Nhunga, anunciou, ontem, a requalificação dos bairros periféricos da cidade, com destaque para Cananéia e Catepa, visando conferir maior dignidade aos moradores e melhorar a imagem do casco urbano.

Sem avançar detalhes, segundo refere o Jornal de Angola, o dirigente precisou que a execução dessa empreitada passa inicialmente pela elaboração de estudos afins.

Marcos Nhunga fez esse pronunciamento no termo das visitas às obras de desassoreamento do rio Malanje há algum tempo paralisadas e de reabilitação em curso da estrada de acesso a Canâmbua e da casa da juventude na Catepa, neste último onde considerou imperioso também a melhoria da distribuição de energia e água.

“O problema que temos que encontrar solução, é a requalificação dos bairros”, frisou, acrescentando que estas e outras acções serão inscritas no programa de mandato do novo governo, que abrangerá os 14 municípios da província.

Apontou o saneamento básico, o combate ao lixo e iluminação pública dos bairros, como aspectos a se ter em atenção, inicialmente na cidade de Malanje e faseadamente nos demais municípios da província.

Por outro lado, o governador reiterou o reinício dentro de dias das obras de desassoreamento do rio Malanje e da centralidade de Malanje, onde serão distribuídas inicialmente 200 residências, em compensação as casas da juventude cedidas aos moradores do antigo prédio verde, demolido por indícios de desabamento.

A par destas, o governador visitou igualmente as obras da escola de ensino especial e das residências dos vice-governadores provinciais, no bairro Catepa, há algum tempo paralisadas e vandalizadas, a fim de se encontrar mecanismos de retoma.

A escola de 8 salas de aulas, cujas obras iniciaram em 2020, está orçada em 246 milhões de kwanzas e será transformada em estabelecimento de ensino integrado para alunos do ensino normal e com necessidades educativas especiais.

Já a casa da juventude começou a ser construída em 2019, tendo registados sucessivos interregnos e está avaliada em 44 milhões, 573 mil dólares norte-americanos.