Halsey sofreu 3 abortos e reescreveu testamento após quase morrer

joaquimjose
Jul 04, 2022

A cantora Halsey abriu o coração e compartilhou com todos a sua história marcante, mostrando-se novamente contra a decisão do Supremo Tribunal que eliminou a protecção federal do direito ao aborto. Numa carta aberta que foi publicada na Vogue, na sexta-feira, a artista disse que o aborto “salvou a sua vida”. 

A artista – que deu as boas-vindas ao filho Ender Ridley com Alev Aydin em julho de 2021 – contou que sofreu “três abortos antes de fazer 24 anos”.

“Um dos abortos exigiu ‘cuidados posteriores’, uma maneira gentil de dizer que eu precisava de fazer um aborto porque o meu corpo não podia interromper a gravidez completamente sozinha e eu corria o risco de entrar em sepse sem intervenção médica”, contou a cantora.

“Durante este procedimento, chorei. Estava com medo por mim mesma e estava desamparada. Estava desesperada para acabar com a gravidez que ameaçava a minha vida”, desabafou.

Halsey disse que ficou tão traumatizada ao ponto de, quando estava grávida do filho Ender, durante o terceiro trimestre, reescreveu o testamento. “Estava preparada para o pior. Dei instruções detalhadas sobre a doação dos meus órgãos caso morresse ou fosse declarado morte cerebral”, revelou.