Saúde

Ministra da Saúde anuncia reabertura do Hospital do Luau em Abril

joaquimjose
Jan 18, 2023

A ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, anunciou, esta quarta-feira, a reabertura do Hospital Municipal do Luau, na província do Moxico, que poderá ser em Abril deste ano, referindo que a mesma vai servir de escola para formação de especialistas em várias áreas, sobretudo de medicina familiar.

A informação, a que o WI-AO teve acesso, de fonte oficial Angop, a infra-estrutura hospitalar contará com 42 salas de internamento para medicina, 30 na pediatria, urgência (21), maternidade (15), assim como 12 consultórios médicos.

Com 97 por cento de execução física e 73 por cento de apetrechamento, o hospital foi implantada numa área de 25 mil 597, 92 metros quadrados, o estabelecimento hospitalar de referência conta com três laboratórios para análises bioquímicas, de sangue e outros testes rápidos, igual número de compartimentos de triagem, uma morgue, com capacidade de nove gavetas, incineradora, seis salas de espera, e outros serviços.

O Hospital do Luau está orçado em três mil milhões 955 milhões e 746 mil kwanzas do Programa Integrado de Intervenção aos Municípios (PIIM).

A ministra Sílvia Lutucuta, acompanhada do governador provincial do Moxico, Ernesto Muangala, informou que a unidade sanitária vai servir, igualmente, de escola para formação de especialistas em várias áreas, sobretudo de medicina familiar.

Parte dos oito mil profissionais inseridos recentemente no concurso público – médicos, enfermeiros, técnico de diagnóstico terapêutico – poderá assegurar o funcionamento da unidade sanitária”, disse o governante, citado pela mesma agência, acrescentando que os técnicos do sector terão, uma vez que o projecto contemplou a construção de dez residências.

O novo hospital está a ser reconstruído em consequência do anterior, de 40 camas, ter sido destruído pelas fortes chuvas acompanhadas de ventos e trovoadas, em Outubro de 2020.

A destruição do hospital obrigou a transferência dos doentes numa escola onde estão criadas condições mínimas.

Com a inauguração deste hospital de referência, a província do Moxico passa a ter 158 unidades sanitárias. Desse nível só o têm os do município do Moxico (130 camas) e Camanongue (180).

O Gabinete Provincial de Saúde controla dois mil e 422 funcionários entre médicos, enfermeiros, técnicos de diagnósticos e terapeutas, bem como pessoal administrativo.

O Luau, é um dos nove municípios que compõem a província do Moxico, conta com 87 mil e 890 habitantes (Censo 2014) e está localizado 334 quilómetros a leste da cidade do Luena.