Actualidade

Mulheres violadas durante gravação de vídeo na África do Sul

manuelsumbo
Jul 30, 2022

Um grupo de homens armados invadiu  local de gravação de um vídeo musical e violou oito jovens mulheres que faziam parte do elenco, perto de uma pequena cidade sul-africana, anunciou este sábado, a polícia.

O ministro da Polícia sul-africano, Bheki Cele, disse à imprensa que três dos cerca de 20 suspeitos foram detidos, após os ataques, na quinta-feira na periferia de Krugersdorp, a oeste de Joanesburgo.

O governante descreveu que o grupo atacou a equipa enquanto estes descarregavam o equipamento e preparavam o cenário.

As mulheres tinham entre 18 e 35 anos, relatou, observando que uma das mulheres foi violada por 10 homens e outra por oito.

Os homens também foram despidos e despojados dos seus pertences.

“Parece que eles [os suspeitos] são cidadãos estrangeiros, basicamente são ‘zama zamas’ [mineiros ilegais]”, disse Cele aos repórteres, à margem da conferência política do Congresso Nacional Africano (ANC), em Joanesburgo.

O Presidente sul-africano e líder do ANC, Cyril Ramaphosa, anunciou na mesma conferência que tinha ordenado ao ministro da Polícia “que assegurasse que os autores deste crime fossem detidos”.

Uma violação é denunciada à polícia em média a cada 12 minutos na África do Sul. No entanto, nem todas as violações são relatadas no país.

Lusa